Mas seria o máximo se ele trocasse fraldas, desse banho Sem problemas se ele quiser dormir no sofá ou se adaptarmos o escritório para ele passar o fim de semana.
No entanto, embora as questões possam ser as mesmas, o modo como aparecerão encontros às cegas huesca no dia a dia desse novo arranjo familiar é imprevisível.É com base no afeto que o Direito de Família, mais contemporâneo, deverá se basear, defende.Por ser um tema recente, desentendimentos coparentais ainda não desaguaram na Justiça.Precisamos morar na mesma cidade.Alguém como o professor universitário Altamir Fernandes de Oliveira, 33, de Teófilo Otoni (MG).Logo, a questão da guarda deve estar bem definida.Era 2013, e criei a página a fim de trazer o assunto ao Brasil.
Pensava como seria o enfrentamento do (a) meu (minha) filho (a) diante de coleguinhas que logicamente iriam perguntar sobre o pai.Fantasiamos uma vida nova e perfeita ao lado de um estranho, esquecendo nossa mãe, nossos pais adotivos, padrastos, madrastas, avós que nos criaram e estiveram sempre lá por nós.Quaisquer dois adultos que sejam os principais cuidadores e responsáveis pela criança formam um sistema coparental.Entre os interessados em coparentalidade entrevistados pela super, os requisitos mais comuns têm a ver com distância entre os parceiros, tipo de guarda e afinidade.O escritor e bancário Stênio Ribeiro, de Jundiaí (SP é um deles.Mas eu estava preparada e iria prepará-lo (a) para este mundo, digamos, mais real.


[L_RANDNUM-10-999]