Idade e naturalidade : Nasceu em Lisboa, freguesia dos Mártires, no prédio.
Carrots Stage Builder Rage Builder Contest!
Há três realidades sociais o Indivíduo, a Nação, a Humanidade.A lira não se partiu.O indivíduo, a Nação, a Humanidade são realidades porque são perfeitamente definidos.Jamais Fernando Pessoa foi maçom, mas jamais Fernando Pessoa ignorou o esoterismo que a Maçonaria continha, como rama da Tradição Iniciática das Idades.Há poemas que são de 1914, quase do tempo do «Orpheu».Ora sucede que a maioria das coisas que eu pudesse escrever não poderia ser passada pela Censura.O ESPÍrito santo é o Patrono dos Profetas, e a Sua face oriental, shiva, designa-O como Soberano dos Kshatriyas (Jinas da Arca os Cavaleiros defensores de toda a Ordem social cuja elaboração sinárquica é realizada como Arte Real, indo visar humanamente o progresso físico e a elevação.Refiro-me à Soberana ordem DE mariz ou mulheres casadas procurando homens em rosário ordini majorem, que ele oculta sob o nome Cordo Maris ( in Mensagem ) e Mater Desiderata ( in doc.O número três assiste à composição da Mensagem e tal como as redondilhas do Bandarra têm, conformadas à tripeça, três realizações diferentes, nisto adaptadas à translatio imperii patente nas três Idades tradicionais da tese de Joaquim de Flora, nisto esse propósito está implícito no Poema Pessoano, em «Brasão.
Não se foram: deixámos de os ver.
No terceiro tempo Ciência ou Inteligência trata-se do Quinto Império, que sucederá ao Segundo, que é o de Roma, depois de este morto.
José Cabral, membro do Estado Novo muito ligado ao Bispado, apresentou na Assembleia Nacional um projecto de lei tendo como objectivo a extinção de todas as Sociedades Secretas no País, a começar pela Maçonaria.Ele que, no ano anterior, fora galardoado com o Prémio Antero de Quental, dado pelo Secretariado de Propaganda Nacional através de António Ferro, pelo seu livro Mensagem, de feição patriótica, o que não pouco contribuiu para desconcertar muita gente e gerar polémica acesa que, bem parece.Muitos autores menos avisados da época em que Fernando Pessoa escreveu os seus textos messiânico/patrióticos, colam sem mais delongas em tendenciosos arroubos patrioteiros a Mensagem a outros textos seus de intervenção social, onde o vate parece indicar o «orgulhosamente sós» pela subida de Portugal ao trono.Fernando Pessoa tem três almas, baptizadas na pia lustral da estética nova: Álvaro de Campos, o das Odes, convulsivo de dinamismo, Ricardo Reis, o clássico, que trabalha maravilhosamente a prosa, descobrindo, na cinza dos túmulos, tesouros de imagens, e Alberto Caeiro, o superclássico, majestoso como.Quanto ao que quer dizer esta Roma, a cujo fim ou morte se seguirá o Império Português, ou Quinto Império, ou o que seja a Ciência ou Inteligência que definirá a este não direi se o sei ou o não sei, se o presumo.Portugal não difere no género, senão na espécie, das outras regiões da Ibéria.




[L_RANDNUM-10-999]